Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


quarta-feira, 8 de março de 2017

041 - Preciosidades antigas de Várzea-Alegre - Por Antônio Morais.


Eloí Teles de Morais.

E por falar em contrastes, nossa terra não tem o que reclamar, se não bastassem os relacionados pelo imortal José Clementino do Nascimento, aqui e acolá, surgem aos montes.

Elói Teles de Morais, varzealegrense nascido no sitio Baraúnas, jornalista, radialista, e doutor em direito, quando estava concluindo o curso, precisou fazer um estagio em Júri Popular. Tomou conhecimento que em Várzea-Alegre estava acontecendo uma serie de jurados. Conseguiu agendar o ultimo deles.

 O Juiz titular da comarca era o  Dr. Maurício de Abreu Tranca, conhecido pela alcunha de Doutor Tranca. Quando o Dr. Elói chegou na terrinha tomou conhecimento do resultado dos 12 jures anteriores, todos os réus tinham sido absolvidos. Veio então a preocupação: será que o único a ser condenado vai ser o que vou fazer a defesa? Elói foi feliz na argumentação e convenceu os jurados da inocência do réu. Terminada a reunião Elói tomou uma folha de papel escreveu uma poesia e deixou na mesa do Juiz:

Várzea-Alegre, terra do contraste.
Na justiça também.
O Juiz é Doutor Tranca
Porém não tranca ninguém.

Um comentário:

  1. Estarei reorganizando a coletânea de Historias de Varzealegrenses do Blog do Antonio Morais.

    São centenas de historias, causos e proezas de nossa gente alegre e bem humorada.

    Coletadas por mim, uma a uma e descritas no meu palavrado populacho, exatamente como vi os personagens falando, frente a frente, sem titubeios.

    Você que gosta de memória cultural vai se divertir com a genialidade do nosso povo.

    Grande Abraço.

    ResponderExcluir