Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


domingo, 16 de abril de 2017


A glória do homem virtuoso é o testemunho da boa consciência. Conserva pura a consciência e sempre terás alegria.

A boa consciência pode suportar muita coisa e permanece alegre, até nas adversidades. A má consciência anda sempre medrosa e inquieta.

Suave sossego gozarás, se de nada te acusar o coração.

Um comentário:

  1. Volta os olhos para ti mesmo e guarda-te de julgar as ações alheias. De ordinário, julgamos as coisas segundo a inclinação do nosso coração, pois o amor próprio facilmente nos altera a retidão e juízo.
    É custoso perder um costume inveterado e ninguém renuncia, de boa mente, o seu modo de ver.

    ResponderExcluir