Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019

A hecatombe do Renan Calheiros e a lição de cidadania do Marcos do Val - Por Antônio Morais.


Senador Renan Calheiros.

Nós tivemos uma hecatombe Cid Gomes. De 54 cadeiras empossadas ontem só oito senadores se reelegeram. 03 no nordeste, 04 no norte, e no centro oeste, sudeste e sul apenas um, Paulo Paim.

Este senado foi dizimado. Na história do Brasil, jamais houve um momento em que ele foi atirado ao rés do chão como agora. Esse senado precisa de alguém que o recupere.


Senador Marcos do Val.

O senador disse que por conta da renovação no senado, a casa foi ao chão. Eu queria colocar que os novos entraram pela grande demanda da sociedade para tornar essa casa uma referência para o pais.

O senador está enganado. Todo local onde eu passo, os mais velhos, os mais experientes são os nossos exemplos. Aqui eu vi os mais velhos dando péssimos exemplos. 

Desde que cheguei aqui soube que todos seguem uma doutrina pelo medo e não pelo respeito. Nós os novos vamos mudar esse conceito. 

Desculpa senador, mas o senhor não mais vai ser o presidente desta casa porque ia me envergonhar e envergonhar o Brasil.

Um comentário:

  1. No termo bem chulo, bem populacho o Renan Calheiros terminou encontrando a tampa para panela dela.

    ResponderExcluir