Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


terça-feira, 18 de novembro de 2014

Cangaço - III

Infância

Aos cinco anos, Virgulino foi morar com o tio Manuel Lopes, na casa da avò materna Dona Jacosa, no sitio “Poço do Negro”, nas adjacências da vila de Nazaré. Aos dez anos, freqüentou a escola, apenas três meses. O tio, para poupar aos aborrecimentos e as queixas, mandou-o de volta.
Naqueles idos, grupos de cangaceiros cruzavam aquela gleba sertaneja, zombando da policia. Tiroteios, escaramuças e estórias de façanhas arrebatadoras, narradas e cantadas nas feiras, empolgavam a criançada. Eram seus heróis Antonio Silvino, Cassimiro Honório, Né Pereira e Antonio Quelé. Não escapara aos filhos do Ferreira tal influencia. Dos nove aos doze anos, tinha Virgulino, como esporte favorito, o habito de organizar grupos de meninos armados a bodoque e passavam as tardes inteiras brigando nas mesmas condições táticas e estratégicas das usadas pelos afamados guerrilheiros. A ação do meio social, nas criaturas incultas, aprofunda-se, forjando-as conforme a receptividade individual. Conta-se que Virgulino, aos treze anos, recitou, numa festa, o verso, julgado de sua autoria, colocando-se entres os grandes:

Cassimiro no navio
Né Pereira em Pajeú
Virgulino e Silvino
Gostam assado e comem cru.
Naquele instante, desabrochava um cangaceiro, carecia apenas de motivação. Criado pela avò, faltava-lhe as coerções necessárias a formação, que só os pais sabem dar. “A criança vaidosa em excesso, gosta de mandar e deseja o predomínio". Se, acaso, protege um ser mais fraco, é para sobrepujá-lo em seguida. Prefere o mal ao bem, porque o mal satisfaz melhor a sua vaidade e emoção. É o anseio de emoções que a torna cruel.
A. Morais

Um comentário:

  1. Aos pouco o Virgulina se formava como modelo do sistema da epoca. As influencias do mal exemplo e a falta de respeito com a lei. Cada um fazendo a sua propria justiça a seu belo prazer. Só podia dar errado mesmo.

    ResponderExcluir