Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


sábado, 2 de maio de 2015

Amor Cego - Jose de Moraes Brito


Caminhando, caminhando
Em estradas paralelas
Não enxergo, enquanto ando
Estas paisagens tão belas.

Nem mesmo de vez em quando,
Vejo no céu as estrelas,
Pois apenas vou te olhando,
Sem nenhum tempo de vê-las.

E, ao lado de meu caminho,
Em que viajo sozinho,
Vendo que não vais sozinha

Penso como bom seria,
Se houvesse travessia
Da tua com a estrada minha.

Um comentário: