Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


terça-feira, 17 de maio de 2016

Ilan Goldfajn é o novo presidente do Banco Central

O Ministério da Fazenda confirmou na manhã desta terça-feira (17), em entrevista coletiva, que o economista Ilan Goldfajn é o nome indicado para comandar o Banco Central. 

Agora, ele terá que ser sabatinado e ter o nome aprovado pela Comissão de Assuntos Econômicos do Senado.

Considerado um economista de visão conservadora, Goldfajn atuava como economista-chefe do Itaú Unibanco. 

Ele já foi diretor de Política Econômica no BC durante o governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB). 

Goldfajn também tem passagens por grandes órgãos finaceiros internacionais como o FMI (Fundo Monetário Internacional) e o Banco mundial.

Meirelles disse que o governo remeterá ao Congresso Nacional Proposta de Emenda à Constituição (PEC) para retirar o status de ministério do Banco Central, que terá autonomia técnica e de decisão. 

O ministro disse que o BC irá desempenhar o seu papel na execução da política monetária e cambial.

Um comentário:

  1. Está montada uma equipe econômica forte e respeitada. Esse é o caminho.

    ResponderExcluir