Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


sábado, 22 de outubro de 2016

Imitação de Cristo 003 - Postado Antonio Morais


Quanto mais alguem se recolher em si mesmo e se tornar simples de coração, tanto mais e maiores coisas entenderá sem esforço, porque do alto recebe a luz da inteligencia.

O espirito puro, singelo e constante não se distrai no meio de múltiplas ocupações porque faz tudo para hora de Deus, sem buscar em coisa alguma o seu próprio interesse.

O Homem bom e piedoso dispõe primeiro no seu interior as obras que há de fazer externamente.

Assim elas não o arrastam aos desejos de uma inclinação viciosa, mas ele se submete ao arbítrio da reta razão.

Que mais rude combate haverá do que procurar vencer-se a si mesmo?

Este deverá ser o nosso maior empenho: Vencermo-nos a nós mesmos, tornando-nos cada dia mais fortes e fazermos algum progresso no bem.

Tomás Kempis.

2 comentários:

  1. Morais:
    Penso que estes pequenos trechos, retirados do livro "Imitação de Cristo" farão bem a muitas pessoas.

    ResponderExcluir
  2. Prezado amigo Armando Rafael - A nossa intenção é exatamente esta.

    ResponderExcluir