Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


quinta-feira, 27 de julho de 2017

DESIGUALDADE SOCIAL - Postagem do Antônio Morais.


Essa desigualdade o Lula não pôs fim. Pode  colocar ministro, ministra,  mentir a vontade, ser hipócrita e demagogo, mas, não deu jeito, vai sempre existir.  O bom é que  ninguém saberá jamais quem é mais feliz. 

As fotos acima mostram o perigo. O caboclo da moto com toda sua arrogância, vaidade e orgulho sem avaliar o sério risco de ser:

Primeiro - Ser assaltado.

Segundo - Bater de frente com um poste.

Terceiro - Com esse material todo na garupa arranjar um sócio e receber um tremendo par de chifre.

Um comentário:

  1. A vida é cheia de segredos e mistérios. Não duvido que o caboclo da moto, com toda sua empáfia e, esse material na garupa, seja feliz quanto o do bode.

    Em casa, depois de guardar sua bicicleta velha e soltar o bode na roça, alguém está esperando, com um riso cristalino, um abraço aconchegante para lhe fazer um homem mais feliz do mundo.

    Observando a foto o bode está bem mais " agarradim ". Parece haver mais amor....

    ResponderExcluir