Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


quinta-feira, 30 de março de 2017

O Aboio - Por Dr. Napoleão Tavares Neves

"O aboio é uma melopeia plangente e quase sempre triste, dolente, com que os vaqueiros guiam o gado ou chamam ao redil as reses dispersas ou espalhadas".
O aboio, as vezes tem letras e na maioria das vezes tem apenas a linha melódica, sempre dominada pelas vogais, buscando maior sonoridade, por certo. O aboio é a conversa amistosa e pacificadora do vaqueiro para com seu gado e o gado conhece o aboio do seu vaqueiro. O Aboio é uma conversa intima do homem para o animal. O bom vaqueiro conversa com o gado cantando na linguagem do aboio que é sempre monótona como uma canção de ninar e, talvez, por isso mesmo acalma e tranquiliza o gado.

O aboio é um canto de paz, de concórdia, de parceria do vaqueiro com o gado. A letra do aboio é sempre amistosa, tranquilizadora, usando-se muito as palavras manso e bonito. O aboio não excita, ao contrario tranquiliza o gado, levando-o a concórdia com o mudo testemunho do cavalo.

O aboio, antes de tudo, é uma mensagem de amizade do vaqueiro para o seu gado, em um dialogo, conduz a paz nos campos. Vaqueiros, cavalo e gado, sagrada trilogia do sertão celebrando a paz nas fazendas, envolto em um halo de entendimento e acentuado romantismo.

Dr. Napoleão Tavares Neves.

2 comentários:

  1. Que belo texto. Encontra-se na Revista Provincia. Um primor, como tudo que o autor escreve.

    Parabens.

    ResponderExcluir
  2. Por gentileza, saberia me informar um e-mail de contato com o Sr. Napoleão Tavares Neves? É de suma importância. Grata.

    ResponderExcluir