Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


sábado, 11 de março de 2017

028 - O Crato de Antigamente - Por Antônio Morais


Postagem  do ilustre memorialista e historiador  Armando Lopes Rafael.

Na foto acima, o local onde hoje se ergue uma das agências do Bradesco, na Praça Siqueira Campos. Até a década 60 do século passado aí existiam a Casa dos Leões e o Pálace Hotel. 

Era um local aprazível, tendo, ainda, ao lado direito um bonito prédio onde funcionou até recentemente a Cafeteria Cinelândia. Da qual só restam escombros, que lembram a cidade de Bagdad...

8 comentários:

  1. Prezado Armando.

    Quando cheguei ao Crato neste local já haviam construido o predio do antigo BEC, hoje Bradesco. Bons resgates da cidade. Pena que o predio da Cinelandia tenha ido abaixo e nada tenha sido edificado no local.

    ResponderExcluir
  2. Armando, esta é a famosa casa dos dois leões. Nas primeiras décadas do século passado ela pertenceu a minha tia avó Rosinha. Ela era a segunda irmã dos 16 irmãos. O mais velho era meu bisavô Antonio e o décimo quarto era o meu avô Cícero.
    Tia Rosinha não teve filhos e uma sobrinha herdou a casa e vendeu-a aos meus tios Mozart e Anuzia, que residiram na casa até 1959 quando a família foi morar em Fortaleza.
    Lembro da casa, todos os cômodos eram grandes, o quintal chegava próximo ao Cine Moderno e tinha uma porta que dava para onde hoje é o calçadão. Com o derrame cerebral que teve tio Epifânio, o Senador, tia Rosinha o amparou. Por isso no livro virtual SonoCrato tem uma foto de tio Epifânio atravessando a rua: desta casa para a Praça Siqueira Campos.
    Uma foto rara, vou copiar.

    ResponderExcluir
  3. Glória:
    Como sempre você agrega alguma coisa às postagens sobre Crato.
    Memória prodigiosa, prevejo que um dia você publicará tantas reminiscências...

    ResponderExcluir
  4. boa tarde amigo...
    tava visitando o seu blog e vi q tem algumas fotos do crato antigo...
    gostaria de lhe pedir,para se possivel vc me enviar por email pois estou fazendo um projeto de pesquisa na urca relacionado a memória do crato antigo.se tiver tambem alguma reportagem ou noticia me envie por favor..
    o email é dannyzinhasisnando@hotmail.com
    obrigada,
    ass:daniele sisnando..

    ResponderExcluir
  5. Dannizinha Sisnando.

    Agradecemos sua visita, seu comentario e desejamos muito sucesso no seu trabalho. Vamos procurar fotos e fatos antigos e enviaremos para o seu email.

    Boa noite.

    ResponderExcluir
  6. Outro Dia vi um depoimento extraordinário do Peixoto, um amante do Crato. Ele falou a mais pura verdade : A juventude não conhece nada do Crato nem se interessa em conhecer. Portanto todo aquele que se preocupa em escrever sobre a historia do Crato está perdendo o seu tempo.

    ResponderExcluir
  7. PARABÉNS ANTONIO MORAIS, é uma belíssima e rica divulgação do nosso Cratinho. Tenho 63 anos e ainda vi esse local, só que na época funcionava uma sorveteria se não me falha a memória.

    ResponderExcluir
  8. Prezado José da Silva - Obrigado pela visita e pelo comentário. Exatamente o sorveteria ficava onde foi construído o suntuoso prédio das lojas Macavi.

    ResponderExcluir