Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

004 - O Crato de antigamente - Por Antônio Morais.



Não me atrevo a julgar, abstenho-me de fazê-lo até porque não conheço a história na sua exatidão. Vou comentar o que conheço do trabalho de três deles, mostrar e reconhecer a importância de suas obras para a cidade e região

Dr. Joaquim Fernandes Teles, médico e prefeito de 1928 a 1930. Terminado a mandato se elegeu Deputado Federal e conseguiu os recursos para criação, fundação e edificação do Hospital São Francisco de Assis. Uma instituição regional que por muito tempo atendeu aos pacientes provenientes de diversos estados nordestinos.

Dr. Antônio de Alencar Araripe, prefeito de 1930 a 1935, elegendo-se deputado federal trouxe para o Crato a Colégio Agrícola, que preparou centenas e centenas de técnicos, hoje em dia, espalhados Brasil a fora contribuindo com o desenvolvimento da agricultura brasileira. Teve papel importante na criação do Banco do Nordeste do Brasil sendo um de seus primeiros presidentes. Foi Deputado Federal pelo Ceará de 1946 a 1962.

Dr. Wilson Gonçalves, este foi além de prefeito de 1943 a 1945, deputado estadual e federal, vice-governador do Estado, senador da republica e ministro do STF. Sua principal obra para o Crato e região foi a criação do Colégio Estadual que recebe o seu nome, obra de grande vulto e que atendeu aos anseios de centenas de milhares de jovens dos estados do nordeste.

Portanto, destaco esses três ilustres ex-prefeitos por obras de alcance na educação e saúde de nossa gente. Convêm lembrar que os elogios a estes não desmerecem os demais, visto que a historia mostra fartamente que o melhor de todos foi  Alexandre Arraes de Alencar.

4 comentários:

  1. Prefeito com mais tempo a frente do comando da municipalidade:

    Coronel Antônio Luiz - 22 anos.

    Coronel Belém - 14 anos.

    Walter Peixoto - 10 anos.

    Pedro Felício - 8 anos.

    Samuel Araripe - 8 anos.

    Deputados Federais :

    Joaquim Fernandes Teles.

    Antônio de Alencar Araripe.

    Wilson Gonçalves.

    Ossian Araripe.

    Raimundo Bezerra.

    Deputados Estaduais :

    Filemon Teles

    Humberto Macário.

    OBS: Wilson Gonçalves foi além de prefeito, Deputado Estadual, Deputado Federal, vice-governador do estado, Senador da República e ministro do STF.

    ResponderExcluir
  2. Esta galeria deixa inúmeras lições de vida.
    Vejamos os primeiros prefeitos, no alto da Galeria. Homens probos, competentes, respeitados pela opinião pública. Há algumas exceções, mas, grosso modo, eram homens que se preocupavam com o bem estar da população e o progresso da comunidade. São homens que – de uma forma, ou outra – deixaram marcas.
    Faltou colocar a foto do último, ou seja, do atual prefeito Zé Ailton. Que fará parelha com o penúltimo, ou seja, o anterior; Ronaldo Gomes de Matos. Qual a marca que eses dois deixaram, ou vão deixar, para a história de Crato?
    Fica com o leitor a resposta.

    ResponderExcluir
  3. Esta faltandoo a foto do primeiro prefeito do crato, que foi FRANCISCO GOMES DE MELO, nasceu no sopé da serra do araripe em 1732, era filho de Simião Cabral de Melo e Margarida Mendes de Oliveira Melo dos troncos sergipanos que povoaram o Cariri.

    ResponderExcluir
  4. Quem tiver essa foto do primeiro prefeito do crato, entre em contacto com agente pelo fone 9-96661860

    ResponderExcluir