Páginas


"Ultrapassa-te a ti mesmo a cada dia, a cada instante. Não por vaidade, mas para corresponderes à obrigação sagrada de contribuir sempre mais e sempre melhor, para a construção do Mundo. Mais importante que escutar as palavras é adivinhar as angústias, sondar o mistério, escutar o silêncio. Feliz de quem entende que é preciso mudar muito para ser sempre o mesmo".

Dom Helder Câmara


domingo, 1 de abril de 2018

039 - O Crato de Antigamente - Por Antônio Morais

Sei lá, perdi a conta do tempo do Eloí Teles e o seu Forró da Casa Grande. 

Hora na Rádio Araripe, a pioneira, tempos outros na Rádio Educadora.

Eloí Teles  tinha uma criatividade prodigiosa. O que mais me encantava era o seu jeito de fazer o comercial. 

Certa feita,  eu quase  morro de rir. Ele  falava da Focar - Fornecedora de Ração Cariri.  Ele dizia :  Compre ração da Fornecedora Cariri, ali você encontra os melhores produtos e de superior qualidades. 

Você conhece o King Kong? Já viu? Pois o King Kong era um "Soim", comeu  ração da Focar e ficou daquele tamanho. 

Quando estava a organizar o salão  para a festa da Casa Grande Eloí dizia : Já chegaram 500 fiadeira para fazer  pavio para  botar nas lamparinas. 15 ferreiros  para  fabricar triângulos,  50 artesões para trocar  o couro dos  zabumbas que se furar  etc.  

O forró da casa Grande encantou  os fins de tardes  dos  cratenses por muitos anos. Grande Eloí, grandes lembranças.

Um comentário:

  1. Como falei no texto o Eloi era um maestro e hábil na maneira engenhosa de apresentar os comerciais. Nada gravado, nunca do mesmo jeito, cada vez mais engraçado.

    ResponderExcluir